Google pode lançar cartão de crédito

Empresa deverá oferecer em breve um cartão de crédito físico que poderá ser programado para substituir todos os cartões utilizados pelo usuário.

São Paulo – O serviço de pagamentos móveis Google Wallet recentemente passou por uma transformação para permitir a compatibilidade com todas as bandeiras de cartão de crédito disponíveis. Mas parece que o Google pretende ir além.

Segundo o site Android Police, que afirma ter recebido cópias de uma futura versão do Wallet, o Google deverá oferecer em breve um cartão de crédito físico que poderá ser programado para substituir todos os cartões utilizados pelo usuário.

A ideia é que o usuário carregue apenas um cartão, além do smartphone, e quando realizar uma compra será possível programar o cartão “tudo-em-um” para funcionar como se fosse seu atual cartão da bandeira Visa, por exemplo.

 

Por padrão, o cartão irá creditar a cobrança diretamente na conta que o usuário programou no app como sendo o modo de pagamento primário. De acordo com o site, a versão do aplicativo que vazou traz também algumas novas funções. As imagens mostram opções como “saque”, “enviar dinheiro” e “transações”. O vazamento não traz mais detalhes e o Google não quis comentar os rumores.

Mas segundo o Android Police, a empresa já teria criado uma página de inscrição para a nova versão do Google Wallet. Atualmente o serviço está disponível apenas nos Estados Unidos e necessita de celulares que possuam a tecnologia NFC, utilizada para transações móveis.

Monica Campi, de 

Fonte: http://exame.abril.com.br

Grandes marcas investem em apps e produtos hi-tech infantis

Para quem tem filhos pequenos, ir a lugares como supermercados e restaurantes pode não ser uma tarefa fácil: as crianças se entediam com facilidade, em busca de uma distração após a outra. Pensando nisso, fabricantes do mercado infantil apostam em aplicativos e produtos de alta tecnologia feitos especialmente para entreter os pequenos.

Disponíveis na app store, o Spider Man Air book HD e o Pixel’d, da Disney, são exemplos do investimento de gigantes no nicho de tablets e smartphones. Enquanto o primeiro custa 2,99 libras (pouco menos de R$ 10) e permite interagir com o mundo do Homem-Aranha, através de fotos, o Pixel’d, gratuito, busca na velha brincadeira de desenhar a atração para os pequenos, com a opção de incluir personagens e elementos de desenhos da Disney nas criações.
A Lego também aposta em apps infantis e lançou o gratuito Super Heroes Movie Maker, que ajuda a criançada a criar seus próprios filmes, usando fotos de personagens e objetos construídos com peças da marca na vida real. Conhecidos pelo site onde tem seu próprio universo virtual, os populares Moshi Monsters também podem ser encontrados na App Store, no gratuito Moshi Monsters: Moshlings. São mais de 60 opções de monstrinhos, que também podem ser personalizados.
Grandes marcas investem em produtos e aplicativos voltados especialmente para os pequenos  Foto: Shutterstock
Foto: Shutterstock

 

Empresa brasileira cria mesa com touch screen
Além dos apps, outros produtos infantis são o foco de empresas brasileiras. A Morphy, especializada em serviços como criação de jogos e apps, criou a PlayTable, mesa com uma grande tela sensível ao toque que conta com jogos feitos especialmente para crianças de três a nove anos. Sem quinas, a PlayTable tem uma tela resistente a líquidos e poeira, afirma o diretor executivo da Morphy. “Ela tem apenas um único fio isolado que faz a ligação com a tomada, e oferece jogos pensados especialmente para que as crianças interajam entre si. Primeiramente, lançamos quatro, mas já estamos criando outros que podem ser adquiridos depois”, explica Marlon Souza.

Conhecidos por seu mundo virtual, os Moshi Monsters também podem ser encontrados em um aplicativo gratuito. Foto: Reprodução
Conhecidos por seu mundo virtual, os Moshi Monsters também podem ser encontrados em um aplicativo gratuito.
Foto: Reprodução

 

Entre as opções oferecidas estão jogos de memória, quebra-cabeça e outro no qual extraterrestres devem ser eliminados através de uma batida na tela, o Aliens. Comercializada desde o segundo semestre deste ano, a PlayTable tem como público alvo estabelecimentos comerciais com grande circulação de pessoas. “Estamos vendendo especialmente para lugares como lanchonetes e show rooms de empreendimentos imobiliários, pois em função de toda a tecnologia usada, como a tela de 22 polegadas, o preço de R$ 5.500 não é tão acessível para quem quer ter a mesa em casa. Assim, nosso foco inicial são locais onde os pais necessitam manter as crianças ocupadas por um longo período”, frisa Souza.

 

Fonte: tecnologia.terra.com.br

Twitter diz que resetou grande quantidade de senhas “sem querer”

Pela rede de microblogs, diversos usuários reclamam que não conseguiam acessar a conta na manhã desta quinta-feira

O grande de usuários que teve que redefinir suas senhas do Twitter nesta quinta-feira foi obrigado a fazer isso após um engano da rede de microblogs. “Sem querer, nós resetamos as senhas de um grande número de contas, além das que nós acreditamos que foram comprometidas”, afirmou o Twitter em comunicado.

Segundo o Twitter, a redefinição de senhas é uma prática rotineira na companhia como parte do esforço em manter a comunidade segura. “Em casos em que nós acreditamos que uma conta possa ter sido comprometida, nós redefinimos a senha e enviamos um e-mail informando ao proprietário da conta que isso já aconteceu, juntamente com informações sobre a criação de uma nova senha”, informou a companhia, lamentando o inconveniente causado pelo erro de adotar essa prática com quem não teve a conta invadida.

Pela rede de microblogs, diversos usuários reclamam que não conseguiam acessar a conta na manhã desta quinta-feira. “Bom dia pra quem quase morreu ao entrar no twitter e teve que redefinir a senha!”, escreveu um usuário. “Pessoal, que susto! Hoje pela manhã infelizmente invadiram e trocaram a senha do nosso twitter, mas já conseguimos recuperar”, postou outro.

MasterCard lança cartão de crédito com tela LCD

Segundo a empresa, o Display Card foi projetado com o intuito de proporcionar mais segurança e praticidade a quem usa dispositivos de autenticação, como tokens
Foto: Divulgação

Segundo a empresa, o  Display Card foi projetado com o intuito de proporcionar mais segurança e praticidade a quem usa dispositivos de autenticação, .... Foto: Divulgação

 

A operadora MasterCard lançou um cartão de crédito que definiu como sendo da “nova geração de cartões de pagamento”. De acordo com o Mashable, trata-se de um Display Card, com tela de LCD e botões sensíveis ao toque. A novidade foi apresentada em Cingapura.

Segundo comunicado que a companhia fez à imprensa, o cartão foi projetado para “instituições bancárias que exigem um maior nível de segurança para os seus serviços online que exigem o uso de um token de autenticação ou outro tipo de dispositivo.” Além da nova tecnologia, o cartão com tela LCD funciona normalmente como cartão de débito ou crédito.

“Este cartão pode incorporar funcionalidades adicionais e ser capaz de indicar outros dados em tempo real como saldo de crédito disponível, pontos de fidelidade ou recompensas, transações recentes, e outras informações interativas”, diz a empresa sobre aplicações futuras do Display Card.

É provável que a MasterCard em breve tenha companhia no segmento de novas tecnologias para cartão de crédito. Rumores sugerem que o Google está preparando o lançamento de um cartão de pagamentos com a tecnologia de comunicação por campo próximo (NFC, na sigla em inglês).

Terra

Case para iPhone com spray de pimenta

Para os fãs de segurança, vale conhecer também o Pepper Spray Phone Case – uma capinha para iPhone 4 e 4s que vem com um cartucho de spray de pimenta acoplado. Segundo os fabricantes, não há risco de você disparar um jato de pimenta acidentalmente enquanto checa seu Instagram pois o produto vem com um sistema de proteção incluso que impede que ele seja ativado sem querer.

Instagram lança versão web completa

Para os fãs de Instagram que não conseguem ficar longe da rede social ou para aqueles que não têm acesso ao app via smart phone, chegou uma boa notícia: agora há também a versão do aplicativo completa na web.

O perfil – que pode ser acessado no endereço instagram.com/nomedousuário (segundo o site, estará disponível para todos os usuários até o fim da semana), permite curtir, comentar fotos, adicionar pessoas e, não por acaso, se parece muito com a Linha do Tempo do Facebook.